Últimos conteúdos

Management 3.0: tudo que você precisa saber para colocar em prática

0
0 Shares

O Management 3.0 está no radar dos especialistas em Gestão de Projetos e das empresas. Isso porque a terceira geração desse modelo de gestão combina uma coleção de jogos, ferramentas e práticas que se mantêm em constante evolução, a fim de ajudar qualquer profissional a gerenciar uma organização. É um caminho para enxergar os sistemas de trabalho. Legal né?!

Management 3.0 é um modelo de gestão que tem como base o pensamento complexo. Ao invés de focar hierarquias e cargos, existe a prioridade na maneira como as pessoas se comportam e se relacionam.

Dessa maneira, passamos a enxergar as empresas como grandes redes de relacionamento entre pessoas. Logo, as organizações são consideradas grandes sistemas de alta complexidade.

O Management 3.0 é um movimento inovador de liderança, que define o gerenciamento como um responsabilidade de um grupo de pessoas.

felicidade das pessoas é sem dúvida uma das prioridade desse modelo de gestão.

De onde veio o Management 3.0?

Jurgen Appelo é quem criou o Management 3.0, segundo seu livro, esse modelo veio baseado em suas experiências e pensamentos que acumulou durante sua carreira como Agile Manager. E por esse motivo é um modelo muito prático e “vivo”.

O que chama a atenção é que ele afirma que o seu modelo não é uma receita a ser seguida a risca. E sim, para entender os conceitos e começar a adaptar a sua realidade.

A concepção do Management 3.0 vem do somatório de conceitos já validados e utilizados em vários livros e empresas pelo mundo. O que, atesta ainda mais, que a Gestão 3.0 é sem dúvida um grande avanço na maneira de gerenciar organizações.

Management 3.0 é Gestão Ágil?

Antes de responder a pergunta, vamos pensar um pouco…

Os Métodos Ágeis são modelos de gestão que surgiram para fazer frente aos chamados modelos robustos ou pesados. Com o foco na autonomia dos times e na sua capacidade de auto-organizar em busca de objetivos e metas estabelecidos.

Se trocar o termo Métodos Ágeis por Management 3.0, no trecho acima, não teremos problemas de definição. Logo, sim, podemos considerar o M30 como uma abordagem ágil a Gestão Organizacional.

Muitos facilitadores de Management 3.0 afirmam que se os Métodos Ágeis não existissem, também não teríamos esse modelo.

Os princípios são os mesmos, ou seja, vamos falar de experimentaçõesmelhoria contínuaautonomia e auto-organização.

Mas os objetivos são distintos, enquanto um está focado em entregar projetos e produtos o outro está o focado em crescer a organização e as pessoas que estão ali.

Por que o 3.0?

Para entendermos os motivadores vamos ter que entender a “evolução” da gestão ao longo dos anos e como ela acabou chegando na versão 3.0.

Management 1.0

No inicio do século XX o mundo estava focado em ser eficiente, as industrias queriam ser eficientes. Logo, o que existia era uma linha de produção, onde se existiam passos para a produção de algo e a matéria prima entrava em uma ponta e o produto saia na outra.

Nesse modelo os trabalhadores eram apenas os executores, sem precisarem se importar com muito mais coisa do que fazer a sua rotina de atividades do dia.

Por esse motivo, surgiram as hierarquias e o poder de decisão de como fazer e o que fazer estava centralizado no topo dessa pirâmide. É aqui que nasce o famoso comando e controle.

Management 2.0

Com insucesso e as dificuldades que surgiram no Management 1.0, começaram a surgir novos movimentos como Six Sigma, TQA, Balanced Scored Card e etc. E até mesmo grandes ideia como Good to Great.

Mas esses novos movimentos na verdade estavam apenas voltados para os Gestores, funcionando quase como uma extensão de boas práticas do modelo anterior.

Assim, os problemas continuaram os mesmos, burocracia, lentidão na tomada de decisão e desperdício.

Management 3.0

No final dos anos 90 e inicio dos anos 2000 surgiu o Management 3.0. Onde pela primeira vez um modelo de gestão tem como base a complexidade. Por esse motivo, por considerar as organizações de maneira totalmente diferente esse modelo se adequou muito bem a realidade atual.

Além de ter a base na complexidade, o M30 também tem foco nas pessoas ou melhor no bem estar das pessoas.

Agora o nome com o 3.0, segundo Jurgen em seu livro é devido a facilidade com que as pessoas ligam esse número ao século XXI e também por ser considerado uma evolução dos modelos anteriores.

As visões do Management 3.0

O Management 3.0 é organizado por 06 visões, são elas:

Energizar pessoas

Pessoas são a parte mais importante das empresas e os gestores devem conseguir manter todas elas motivadas, ativas e criativas.

Empoderar Times

Times devem se auto organizar. Mas para isso será necessário empoderamento, autonomia e confiança dos gestores.

Alinhar Restrições

As restrições sempre são importantes para guiar e alinhar o interesse de todos os envolvidos. Visto que, por mais engajadas que as pessoas estejam, se o foco não for único, toda ação tomada pode ser em vão.

Desenvolver Competências

O time deve ser auto organizado e também autossuficiente, ou seja, preparar e evoluir as pessoas deve ser uma prioridade.

Crescer a Estrutura

Toda organização deseja crescer, no Management 3.0 isso não é diferente. Porém o crescimento deve ser consciente e com foco na qualidade do ambiente colaborativo.

Melhorar tudo

Melhoria contínua deve ser um lei, ou seja, a receita do sucesso vai ser errar e aprender com os erros, dessa maneira não tem como não atingir os objetivos e metas.

Por que usar Management 3.0?

Quando nos temos pessoas felizes e engajadas nas organizações, tudo tem uma grande chance de dar certo. Ou seja, o crescimento vai ser natural.

Mas, não é só cuidar de pessoas e pronto. A organização deve ser dinâmica e aprender com as situações que o mercado impõe. Por esse motivo ter uma estrutura que permite uma rápida adaptação a mudanças vai ser um diferencial em qualquer mercado.

0 Shares
Blog PersonCloud

Evite ataques cibernéticos e proteja sua empresa com essas dicas

Conteúdo anterior

Possíveis mudanças no MEI para 2022: saiba mais e compare com o ME

Próximo conteúdo

Você pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.